PY2GEA
Grêmio de Radioamadores da Rodada Encontro de Amigos

A Antiga Cura Pela Água

Beba mais água. O conselho de Hipócrates para combater cálculos renais, conhecido há dois mil anos, ainda prevalece entre os médicos, independentemente da causa ou tipo de cálculo. Um estudo revelou que homens que bebem muito líquido diminuem em 29% o risco de apresentar o problema. Outros indicam que a propensão ao aparecimento de cálculo renal entre as pessoas que eliminam menos de um litro de urina por dia é muito maior do que entre as que eliminam do dobro dessa quantidade.
O consumo de grande quantidade de água neutraliza o dano potencial provocado pelo cálcio, pelo oxalato e por todos os outros minerais formadores de cálculos na urina. A razão: a água dilui a concentração dos minerais que podem cristalizar, transformando-se em cálculos. Os líquidos são especialmente benéficos aos indivíduos que não consomem proteínas, sódio, oxalato e cálcio em excesso, mas têm uma sensibilidade adicional que promove altas concentrações de minerais na urina.
Infelizmente, a maioria das pessoas acha que bebe mais líquidos do que realmente bebe. O mínimo indispensável deve ser o equivalente a oito copos por dia. Nos dias quentes, recomenda-se o dobro dessa quantidade, devido à eliminação de líquidos pelo suor. E o álcool? Segundo especialistas, os portadores de cálculos renais devem beber moderadamente. Supõe-se que o álcool aumente os níveis de cálcio e ácido úrico na urina.

Obs.: Este texto foi extraído de pesquisas na internet. O original se encontra arquivado

Volta PY2GEA Volta Saúde